amc3
Policia

Deputada Maria do Rosário tem carro roubado

.

14/11/2019 15h38
Por: Moises Pacheco

O carro da deputada Maria do Rosário (PT) foi roubado nas proximidades da Rua Duque de Caxias, em Porto Alegre, nesta quinta-feira (14). O fato aconteceu por volta do meio-dia, quando o motorista da parlamentar foi abordado por dois assaltantes, que o levaram para a Vila Maria da Conceição, na zona leste da Capital.

Segundo a Brigada Militar, o motorista foi liberado e passa bem. O carro até agora não foi encontrado. Maria do Rosário não estava no veículo nem presenciou o crime. É a segunda vez em dois anos que o veículo da deputada é alvo da ação de criminosos. Em 2017, três ladrões assaltaram ela e o marido, Eliezer Pacheco, e levaram o carro em frente a sua casa, no bairro Chácara das Pedras. Maria do Rosário afirmou que estava no ato do Cpers, em frente ao Palácio Piratini, quando ocorreu o crime. Ela lamentou o episódio e confirmou que ninguém se feriu:

— Agradeço à polícia que mais uma vez se empenha em atender às vítimas. Lamentavelmente, é um episódio triste, mas comum. Também queria manifestar solidariedade a todas aquelas pessoas que passam por isso, felizmente ninguém se machucou no nosso caso. Mas em muitos casos têm pessoas que perdem a vida. Mostra que a gente precisa valorizar a vida. Sou contra a disseminação de armas.

A assessoria da deputada divulgou nota sobre o fato:

"No início da tarde desta quinta feira, dia 14 de novembro, um assessor do mandato da deputada federal Maria do Rosário, foi vítima de um assalto próximo ao Palácio Piratini, sede do governo estadual. O funcionário da deputada foi surpreendido quando entrava no automóvel pertencente à parlamentar, na Praça da Matriz, e acabou sendo levado pelos assaltantes até a Zona Leste, onde foi deixado, sem o carro. A parlamentar não se encontrava no local e todas as providências para garantir a saúde do assessor foram tomadas, bem como a Brigada Militar foi prontamente acionada e já está empenhada em localizar o veículo.

É lamentável que situações como essa sejam vivenciadas todos os dias por brasileiras e brasileiros. Num momento como esse mais uma vez nos solidarizamos com todas e todos que são vítimas de violência com perdas maiores ainda, como a vida".

 

 

*As informações são do site gaúchazh

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.